Igreja  de São Pedro Gonçalves do Corpo Santo

 

Copyright © Guia Geográfico - Patrimônios Históricos da Bahia.

 

Igreja do Corpo Santo, na rua do Corpo Santo, bairro do Comércio. Sua fachada fica de costas para o porto, uma estratégia comum para reduzir a maresia dentro do templo.

 

A capela de São Pedro Gonçalves do Corpo Santo é citada por alguns autores como tendo sido fundada, em 1711, por Pedro Gonçalves, um marinheiro espanhol, para pagar uma promessa feita durante uma tempestade na Baía de Todos os Santos.

Entretanto, o Mons. Manoel de Aquino Barbosa, em seu livro Retalhos de um arquivo (1972), afirma que essa Capela é pelo menos um século mais velha e cita: "Preferimos colocá-la nos últimos anos do século XVI".

 

Ilustração da porta da Igreja do Corpo Santo e de escravas pelo arquiteto inglês Edmund Thomas Blacket (1817-1883) com data de 12 de agosto de 1842. Infelizmente, essa porta não existe mais. Blacket também fez uma ilustração do Convento de Santa Tereza.

 

Salvador Bahia

 

O forro da nave é provavelmente um dos elementos da época de sua construção. Destaca-se a imagem do Senhor dos Passos, o crucifixo do altar-mor e a estátua do Senhor da Redenção, atribuída a Chagas, o Cabra.

Em 30 de agosto de 1891, foi fundada a Irmandade de São José do Corpo Santo, que atualmente é responsável pela Igreja.

Foi tombada pelo SPHAN em 1938.

Fica de frente para a Rua do Corpo Santo, ao lado da Praça Cayru, no bairro do Comércio.

 

Nesse fragmento do Prospecto de Caldas, de 1756, a Igreja do Corpo Santo está indicada, com sua fachada posterior, na arquitetura da época, e ainda banhada pelas águas do Porto. Essa área foi aterrada no século 19 para abrigar o novo prédio da Alfândega, inaugurado em 1861, o mesmo que abriga, hoje, o Mercado Modelo.

 

Arquitetura porta

 

A datação de Aquino Barbosa tem base nas referências do frei Agostinho de Santa Maria, em sua obra do Santuário Mariano. Essa obra indica que existia uma ermida, provavelmente nesse local, dedicada a São Frei Pedro Gonçalves, que seria muito mais antiga que a Paróquia da Conceição da Praia, criada em 1623.

Outra referência de sua antiguidade foi dada pelo explorador inglês, William Dampier, que esteve na Bahia, em 1699, e relatou em seu livro A Voyage To New-Holland, &c. In the Year 1699 - Vol. III, que existia "a chapel for seamen close by the seaside, where boats commonly land and the seamen go immediately to prayers". Sabe-se que a Igreja do Corpo Santo era a igreja dos marinheiros e tinha um cais na Baía, como mostra o Prospecto de Caldas (abaixo).

De 1736 a 1756 serviu de matriz da Paróquia da Conceição da Praia, durante a construção do novo prédio daquela igreja.

Em 1902-3, o templo foi reestruturado devido ao alargamento e nivelamento da rua Santos Dumont, para a qual se voltava sua fachada posterior (veja ilustrações abaixo), com a Rua das Princezas. Parte da igreja foi cortada. Seu frontispício foi alterado e lojas comerciais passaram a funcionar no porão.

 

Interior Igreja

 

◄ Sé Primacial

 

Cidade Salvador Caldas

 

Nesse fragmento da ilustração de Charles Landseer, de 1826, vê-se parte da antiga arquitetura da Igreja do Corpo Santo. Observe que a Igreja possuía uma torre, como confirmado na fotografia abaixo.

 

Igreja do Corpo Santo

 

A igreja vista da Cidade Alta, em fotografia de 1917 (parece que havia um santuário ao lado).

 

Interior da igreja do Corpo Santo.

 

Antiga igreja Corpo Santo

 

Seculo 19

 

Antigo Porto

 

Igrejas Bahia

 

Nesse fragmento da fotografia de Rafael Castro y Ordoñez (acima), de 1862, vê-se, do Porto, parte da Igreja com sua antiga arquitetura.

À esquerda, parte do panorama de Scharf, publicado em 1826.

 

Antiga Corpo Santo

 

Igreja São Miguel

 

◄Igrejas da Bahia

 

 

Igreja Corpo Santo

 

Igreja do Corpo Santo

 

Antiga Alfândega

 

Igreja do Corpo Santo

 

Provavelmente fundada no século 16

 

Igrejas Salvador

 

 

 

 

 

 

Igreja do Corpo Santo